quinta-feira, março 29, 2007




(in)versos



________________________

.

______________________

desenha-me um silêncio

__________________________

18 comentários:

Alien8 disse...

E versos, Bandida. E versos :)
E beijos.

isabel mendes ferreira disse...

im.possível.

é in.desenhável.

in.dizível.

in.transmissível.

escultura que o vento desmonta em noites de temporal.


não ouvi a música.~~~~


não posso.


_____________________


mas acredito que seja desenhável.

desejável?


____________________

aqui não se ouve.

___________________
aqui. só o silêncio.

como reverso.


da distância.


mensurável.~~~~

__________________
boa noite lisboa.

MRF disse...

In-verso, não. Uni-verso.


:)

bj e obrigada pelas tuas palavras. aqui e lá.

intruso disse...

tão difícil.......................

...





;)
chove sempre...




beijoS

Xalrita disse...

está aqui:

ASTI disse...

Espe
Lh
O

e versos
sos
reve
...
ok, vou dormir (que é o contrário de estar acordada, como diria Lili Caneças)
Até pá semana

Letras de Babel disse...

vinha, agora, dizer-te que estavas lá...

e, afinal, estou eu aqui...

(espero que ninguém se baralhe)

:)

___________

beijo

nan

Letras de Babel disse...

in-di-visível

e-vidente.

in-dubitável.

Frioleiras disse...

silencios ...
há um meio ...
neste começo de primavera ... é preciso...
1 - manhã num gabinete (spa) de massagens - sugito, ali no Camões, no do Hotel do bairro alto...
depois, de electrico até santos e, daí a pé até ao MNAA, ver a exposição O Brilho das Imagens.
Por fim no autocarrro 27 até ao Saldanha e, sózinha, ver o filme
Die Stille, no Nimas
Afianço um dia de Paz, absoluta, que carregarará as baterias da Paz desencontrada....

as velas ardem ate ao fim disse...

Adoro silêncios.

bjinho

alice disse...

música sem muralhas. mil patas de zebra e tartarugas líquidas. que mais se pode desejar. e nan há-de desenhar uma flauta mágica. feita de ossos humanos. e tocar a mais antiga lenda. e cuspir a alma. se eu vier mais tarde escutar. hei-de ficar novamente pura. obrigada. um beijo muito especial, b. bom dia *

herético disse...

(in)versos. (re)versos?

alice disse...

e vim ;) e se der. ainda volto.

(faça-me um favor. veja a tradução das asti. na memória mais bonita do meu blog. e depois diga-me como é que lhe agradeço. porque ainda não sei. desde já, muito grata * )

abraço.

(ah, e outra coisa, já deixei a factura do cardiologista em cima do Piano. as meninas dividam as contas, paguem as prestações, como entenderem, mas são as 3 culpadas pelo elevado montante obtido ;))))

M5Sol disse...

Os silêncios não se desenham

Sentem-se!

Ana Paula disse...

Uma óptima escolha, Bandida! Buddha-Bar! Tem sempre músicas especiais. Achei giríssimas as imagens! :)
A.P.

Letras de Babel disse...

não tinha lido "aquilo" no dia 26...:(
por isso é que não andava a perceber nada...

(só vou lá quando o rei faz anos, não é o meu baú principal...)

estou a escrever um testamento em resposta. fica prámanhã que ahora mi voy a dormir (férias no fim e sonos em dia, nada...).
se calhar resumo tudo a um número :)

isabel victor disse...

Bandida, por este teu caminho cheguei a " Letras de Babel " e gostei tanto ...

Beijos *** **

isabel

A. disse...

_______________________________...