domingo, março 18, 2007




tango. distância de segundos entre
o lábio e a pele.

o segredo dança no braço
da vida. incontornável.


o acordeon move-se em espasmos de cor.

ouvem?! por ali... dentro dos dedos.

não sabemos nada.

_________________________

filme Frida Kahlo

____________________




25 comentários:

Nan disse...

tango, o sexo feito dança.
ou na dança...


a frida menos f(e)rida.

isabel mendes ferreira disse...

FRIDA


FRIDA


FRIDA


___________


ferida de morte. ferida de beleza.

ferida de tragédia.


ferida de talento.



ferida da mais completa "elegância" gestual e de ferida na alma. com alma.


__________________


bom dia B.
__________________


sem feridas....:)))))

isabel mendes ferreira disse...

...não sabemos nada...a não ser que a vida não é estátua...


embora de sal. às vezes....



:))))

Estátua de Sal é um livro belíssimo.

beijo.

ASTI disse...

bom dia!
sem me querer precipitar, acho que é a parte do filme que mais me tocou... (ex aequo com a dança de flamenco em «L'Auberge Espagnol»);
aliás, ousaria dizer que a dança está para mim, como a música para ti.
A plasticidade do corpo humano fascina-me. E quando a música e os corpos se juntam num jogo de sedução, acho que se reunem as... 3 graças...
ok, vou tomar um café, para ver se me exprimo melhor.

alice disse...

absolutamente encantada, bandida. a mulher, o corpo, a expressão, a sensualidade. muito feminino. das palavras que acompanham também. um grande beijinho e obrigada por este momento. (não sabemos, não) *

Presença disse...

Ai, ai, ai...
Passei mas vou-me já... é muita sensualidade que me fere a pele e a vista...
Como uma necessidade de entrar, possuir e ficar...

Bjo doce

as velas ardem ate ao fim disse...

Frida divina!

bjos

Clara Hall disse...

A banda sonora deste filme mata-me e este tango é de morrer, mesmo antes da última nota soar.

Parabéns B.!

intruso disse...

(ouço!!!)

(e não sei nada)



beijo


p.s
de volta!

motormotor disse...

SENSUALIDADE....
(muito bom)

teresamaremar disse...

Olá Bandida, lembras em que blog, talvez pelo início do mês, estava algo do youtube, creio que relacionado com a matemática, e que era um clip com uns bonequinhos deliciosos? Ou, ainda que não lembres o blog, saberás dizer como posso encontrar esse clip?
Achei-o fantástico na altura mas esqueci de o anotar. E sei que estava lá um comentário teu.

Como este comentário vai passar pelo teu email, deixo-te o meu contacto, caso prefiras para aí responder.

teresamaremar@gmail.com

Beijosssss

MRF disse...

és uma coleccionadora de pérolas. impressionante.

merdinhas disse...

Oiço sim.

Vim aqui ouvir.

Abssinto disse...

A carne que resvala! Que encanto!

Obrigado, fumacenta!:)

Mar disse...

Bom dia B.
atrevi-me.... fiquei sentada... olhando de perto as tuas palavras... escutando os silêncios do acordeon que desliza em melodias dedilhadas... em tonalidades sussurradas!
(...revendo Frida a partir de ti)... amanhã vou voltar!
beijo
M.

un dress disse...

nem

os

de.doS

Sabem

de

Si...

M5Sol disse...

Tango - sensualidade à flôr da pele,
do gesto,
do movimento,
que invade o corpo num sentir repleto.

alice disse...

obrigada, bandida. sento-me aqui e fumo um cigarro cuja espiral de fumo escreve no ar o seu nome ;) um grande beijinho para si. abraço*

Claudia Sousa Dias disse...

Não consigo ouvir neste computador porque estou sem headphones..

Mas lembro-me perfeitamente da música e da cena protagonizada por Salma hayeck. Até comprei um vestido semelhente, preto estilo anos vinte, para ensair uns passinhos de dança com uma flor vermelha no cabelo...

As sobrancelhas já tenho. è só não depilar...

CSd

herético disse...

... e o olhsr do homem. f(e)rido. na carne.

A. disse...

...a dança é isso, um modo mais intenso de existir.

(As árvores dançam, as folhas dançam, a chuva dança, os animais dançam, o sol e a lua dançam. Tudo o que há a fazer é deixar-se puxar para dentro do seu círculo, deixar-se sugar sem medo para dentro da órbita desmesurada das coisas.

Então a vida começa a passar por nós e inclui-nos e nós baixamos a cabeça e dizemos “sim” e “dançamos”.)

Anonyma disse...

Dança?!
Contradança?!
Não.
Tango não é essa valsa domesticada que se aprende aqui e ali.
Tango é paixão, febre e fogo...
E não pode, não pode nunca, ser representado!
Somente sentido.

S. disse...

teresamaremar,
não sei se o que procura será uma animação que coloquei no meu blog "The Dot and the Line: A Romance in Lower Mathematics", de 1965. Se for, poderá encontrar através deste link, se não for...pode ser que goste:

http://s-nonblog.blogspot.com/2007/03/dot-and-line-romance-in-lower.html

Bandida,
Adoro a Frida, a sua vida .... e a obra tira-me do sério.
Bj.

isabel victor disse...

incontornável

Tu

Bandida musical

Beijo especial para TI, no poético dia da poesia

que aqui é ÁRVORE e dá frutos

b* da isabel
Com muita admiração

isabel victor disse...

Estou tentada ...
em levar Frida para o " Caderno ..."

b*
da isabel