terça-feira, maio 01, 2007




está um braço atrás da janela. a mão fixa no parapeito.
devolve-me as asas. os dedos apontam o ventre.

espera. acendo primeiro o cigarro.



______________________________________________

ft Stanko Abadžic

__________________________________________________________

A música é a vida humana na sua expressão mais "colada" às origens e nela é possível descobrir formas de compreensão do incompreensível. O que é vital desdobra-se pela música até chegar a nós, dando-nos finalmente voz, sonho e fantasia. E a coragem do humano, demasiado humano...que em cada momento musical se revela na sua magnífica humanidade.

(escreveu-se assim aqui)

____________________________________________________

21 comentários:

jorge vicente disse...

está um rosto atrás da água. o cadafalso preso na corda. e na música. o poema.

jorge vicente

isabel mendes ferreira disse...

quando vi esta fotografia......(sabemos onde)....pensei em ti...


na forma . na música.
_______________________.


muito bom.


_____________

bom Maio.

intruso disse...

do insondável
do secreto
...

[o que eu gosto deste video...]


;)
bjs

S. disse...

musica fabulosa...
video fabuloso...
bj

Ana Paula disse...

Obrigada, Bandida! :):)
Excelente post!
Eu não faria melhor...
Beijinhos e resto de bom feriado!

Frioleiras disse...

Que bonita a fotogr. ...
o violoncelo, as pernas , os sapatos, a natureza ...

a música,
o ser humano,
a natureza ....

Frioleiras disse...

Que bonita a fotogr. ...
o violoncelo, as pernas , os sapatos, a natureza ...

a música,
o ser humano,
a natureza ....

isabel mendes ferreira disse...

escrevo aqui por o "Quénia" estar fechado...

e para Te agradecer uma revisitação agora com música...

excelente "criação" de uma terra que o homem nunca ´ha de saber recriar...nem com pele de seda nem palavras de fogo. o paraíso tb se revisita...

adorei. (palavra gasta sei. mas nenhuma outra me ocorre)....desculpa.

e a postura "entre o zen e a rendição" da I.C. é uma belíssima homenagem à natureza.
Bom dia B de Bandida.

_______________________

beijo. ainda de Lisboa.

Sibila disse...

Hello, Bandida! Não sei como vim aqui parar mas gostei deste fundo preto onde as cores se destacam vivamente.
Encontrei também poesia...

Moura ao Luar disse...

A música é vida

Gi disse...

Sobre os Dead Can Dance nem me pronuncio, sou suspeitíssima.Não tarda faz 10 anos que se separaram . Conheço as fotografias do Stanko, esta está perfeita muita na lógica do que foi dito no pots anterior (desculpa mas faço sempre elos mesmo quando não os há :) )

Ah! e África está um espanto :)
Beijos

as velas ardem ate ao fim disse...

Muito muito triste.
Mas é sempre bom passar por aqui.

bjos

António Pires disse...

A voz de Lisa Gerrard (nos Dead Can Dance, nos This Mortal Coil, nos álbuns a solo ou de parceria - com Pieter Bourke, por exemplo) é das melhores que eu alguma vez ouvi - e basta ouvir uma vez «Song To The Siren», original de Tim Buckley, na voz dela levada aos confins da beleza absoluta, para se ficar a perceber o porquê deste encantamento... Se voltar ao meu Raízes e Antenas e viajar um bocadinho mais para baixo encontrará uma entrada dedicada aos Dead Can Dance numa das minhas séries Cromos R&A... Saudações...

Opintas/Bernardo disse...

Haja música então.
Uma boa tarde.

D. Maria e o Coelhinho disse...

Tudo muito belo !







editado por: D. Maria

david santos disse...

Trabalho de mestre! Parabéns.

Efemerum disse...

que bom ter-te vindo visitar.
respiro fundo

suavemente
relaxadamente



beijo de boa noite

Efemerum disse...

que bom ter-te vindo visitar.
respiro fundo

suavemente
relaxadamente



beijo de boa noite

merdinhas disse...

"espera. acendo um cigarro."

e fico por aqui um bocado

merdinhas disse...

"espera. acendo um cigarro."

e fico por aqui um bocado

Letras de Babel disse...

pode-se negar tudo

...menos o ventre donde viemos.

___________

beijos