terça-feira, maio 29, 2007



tic.tac.tic.tac..

a cada movimento dos ponteiros aumenta a vontade de rever sons de lábios, palavras ternas, loucuras sentidas. por cada minuto que passa, a saudade torna o perfume tão mais valioso. como se os segundos fossem horas e os dias, semanas.

vejo o teu post depois de ouvir os lobos que somos todos nós, uns bandidos, outros nem por isso, e (mesmo perante uma fantástica Meryl Streep) só entendo o meu tic.tac.tic.tac que me marca a espera.. sempre à espera que chegue o último minuto. sempre nesse compasso, para depois sorrir(mos).

porque é bom saber que depois das festas para calar silêncios, vieram silêncios que alimentam festas.



St.J. (num comentário para A.)

____________________________________

11 comentários:

Ana Paula disse...

Boa música! Acompanhada por um bonito texto!
Um beijinho :)

manhã disse...

Enya. Bonito. Claro, as saudades, às vezes bem dolorosas.As festas no lugar dos silêncios e depois de novo os silêncios. Não há outra forma de viver quando se opta por viver à beira das emoções!

cm disse...

tic tac li e gostei...

canela disse...

Fico-me pelos silêncios...
Beijos

Frioleiras disse...

Silêncio é Paz
e
Paz é Felicidade...
é preciso ter Silêncio para ter Paz e é preciso ter Paz para se ter Felicidade...

as velas ardem ate ao fim disse...

Em dia de muito silencio deixo apenas um bjinho

intruso disse...

...e que depois das festas vieram silêncios para alimentar............

isabel victor disse...

Que belos caminhos aqui nos indicas!
Segui o rasto da loba e fui dar a duas belíssimas clareiras "St.j" e "A." !

Obrigada

i*

M disse...

"o rasto da loba" é muito bem dito, isabel victro. E que bem que liga contigo, bandida!
Vou seguir o conselho e o rasto da loba

St. J. disse...

B., ainda estou na fase do dia em que o tic.tac estala dos dedos quando martelo teclas. Mas não posso evitar «tic.tac.tar-te» uma beijoca pela tua imensa simpatia.

Já há quem lhe chame o rasto da loba. Eu continuarei a chamar-lhe simpatia. Tua. Sou antiquado nos termos, mas, creio, cheio no sentimento. Por isso, com toda a emoção que colocaste no meu sorriso, enquanto faço «tic.tac» nestas teclas que ficam debaixo de quatrocentos metros quadrados de iluminação artificial, aqui, do meio do ar condicionado chato.chato.chato, agradeço-te o teu gesto gentil.

Loba.lobinha.marota,

Obrigado

A. disse...

...qualquer coisa em comum.


J.usterini & B.rooks.

2 Spirits.no tom com que dizem
...na cor com que reparam.


;)

raros.porque nem todos.sabemos.
ser.lobos.assim_________bandidos.






...muito obrigada.encantada.

:)