segunda-feira, junho 18, 2007




"GUILHERMINA SUGGIA tocou pela primeira vez em Lisboa, aqui neste salão, em 25 de Março de 1901 (faria 16 anos no dia 27 de Junho desse ano), integrando o Quarteto Moreira de Sá.
Este salão é umas das maravilhas que temos. Corre o risco de se perder para sempre. É preciso que não permitamos que isso aconteça.Tem provavelmente a melhor acústica de todas as salas de Lisboa, onde se pode fazer música de câmara. Os seus tectos foram pintados por José Malhoa em 1881.Desde as primeiras décadas do século passado que não tem quaisquer obras de beneficiação. As paredes estão todas rachadas. O tecto também. Estas barras metálicas que se encontram do lado direito na vertical não estavam no projecto inicial: são escoras que evitam que o balcão, que não pode há muitos anos ser utilizado, caia. Há buracos no tecto. Há cadeiras que não podem servir para que alguém se sente nelas. Isto é um exemplo vergonhoso da falta de cuidado que temos com aquilo que é nosso. Há anos que se reclamam obras a fim de se evitar a destruição deste SALÃO que faz parte do ESCOLA DE MÚSICA DO CONSERVATÓRIO NACIONAL DE LISBOA mas os responsáveis teimam em fazer ouvidos de mouco, como é hábito nestas coisas de Música, Teatro e coisas afins. Todos somos responsáveis pelo zelo e defesa dos nossos bens e valores. Ficarmos indiferentes perante a atrocidade de vermos destruir o nosso património é sermos coniventes com aqueles que aceitaram ser responsáveis pela sua defesa e manutenção.
Dado o péssimo estado do Salão e o valor que entendemos que ele tem, iremos mostrar várias fotografias que darão uma ideia, muito beneficiada - digamos -, do mau estado dele. Se não lhe acudirmos a tempo não valerá a pena lamentações depois dele cair.
Certamente que nem o senhor Primeiro Ministro, nem a senhora Ministra da Educação (que tutela o Conservatório), nem os 12 candidatos a Presidente da Câmara de Lisboa, lêem este blogue - terão certamente coisas mais importants que fazer e em que ocupar o seu precioso tempo - mas sabem decerto o estado em que ele está. Salvem-no. Não permitem que daqui a uns anos no seu lugar apareça, talvez, um condomínio de luxo (o exemplo está ao lado) nem um centro comercial.
Evitemos a derrocada do Salão Nobre do Conservatório. Tenhamos consciência, civismo e vergonha!"


texto daqui




16 comentários:

as velas ardem ate ao fim disse...

Suberbo!

(estas bem??)

bjinhos

hfm disse...

Assim vai a nossa cóltura... infelizmente não é para sorrir. Infelizmente, também, este país não tem uma verdadeira opinião pública, daí a falta de força da cidadania.
Belo post!

Gi disse...

E que podemos nós, comum dos cidadãos fazer, senão denunciar? Sinto-me impotente perante tanta coisa!

Vou-me , deixo um beijo mas com vontande de me envolver ainda mais nos meus silêncios

Frioleiras disse...

Gostei mt do teu post....
e , sabes, os meus instrumentos preferidos são
a viola de gamba
e o
violoncelo.............sempre, sem me cansar !

Bj

F.

Alien8 disse...

Texto que subscrevo na íntegra. Antes que seja tarde, como é infeliz costume por estas bandas...

Um beijo.

merdinhas disse...

"Não sentar"...


... (?!)

está bem, oiço-o de pé.

V.M. disse...

Não ouves não. O tecto ou o balcão caem-te em cima. Denuncia! Não sejas conivente. Eles que gastem menos em almoços e jantares e carros e viagens e raio que os parta. Cambada que rouba e deixa destruir o que é nosso. Há que agir, antes que seja tarde. Já é tarde!

Frioleiras disse...

faço anos a 7 de Outubro... porquê ????
E tu ?

Ana Paula disse...

Que "dó de alma"!!! Literalmente.
É um edifício lindíssimo e entristece-me imenso ver fotografias destas. Adoro o que é antigo e este salão é, de facto, uma relíquia. Como pode chegar a um estado destes?!
Também compreendo o teu desconsolo, tendo em conta o teu genuíno gosto pela música. Que ali tanto se fez ouvir...!

Obrigada pelo óptimo post.
Beijinhos amigos.

triliti star disse...

continua com o teu amor à arte e à cultura,...mas passa pelo meu Quarto de Dormir, bate à porta e entra.
está lá alguém à tua espera.

Ana Paula disse...

Bandida, desculpa. Tinha-me esquecido de comentar a música! Divina! A beleza.
:)

S. disse...

Olá onírica B!
(desculpa a ausência!)
(não é depressão... é "o estar bem" finalmente)
(não me esqueço de ti, nem de ninguém aqui na blogosfera, visito-vos todos os dias, só não comento, pq só me apetecem dizer coisas descabidas... ando diferente, para bem!)

Beijos
(espero que estejas bem, gostava de contagiar!)

intruso disse...

caindo

vai/vamos caindo

...

beijos
:)


[excelente... o nocturno...]

herético disse...

condomínio de luxo, claro! triste sinal dos tempos...

... que não podemos calar!

Lauro António disse...

Posso sentar? um beijo carioca. Até breve.

Lauro António disse...

Posso sentar? um beijo carioca. Até breve.