segunda-feira, abril 16, 2007



e a paixão pelo violoncelo que me arrasta até às catacumbas da memória. e passo pelo Casals e pela Suggia e pelo Ma, e pela Du Pré, como se nada mais importasse. só assim. em cada corda tocada, as notas de sonhos atentos, desfeitos, perfeitos, desgrenhados, penteados e ... achados... e tantos, tantos, perdidos...

e aquele som grave a mostrar a estrada. o caminho...







o costume. de costume. a hora primitiva do princípio do mundo.
a música faz falta. a música faz muita falta. a música é que falta.
que se fodam os sons breves. uma semi-breve.

vira a partitura. oh mais non! tenho um anel e uma tosse.
e vice-versa. que agora já não me lembro. tenho um lobo na cabeça
e um sono desgraçado.

e a forma do violoncelo

.

___________________________________

13 comentários:

Ana Paula disse...

Bandida, se há coisa de que estou certa é de que a música faz falta! :):)
Boa semana...
Bj da Ana.

isabel mendes ferreira disse...

e Bandida said:


"...ainda que fatal que seja voo. ainda cisne. ainda tu. ainda tudo. ainda assim que se quebrem os dedos na tortuosa subida da verdade. que não é mais que aquilo que dela fizermos. nossa. intemporal. livre.
como o voo."






____________________
_____________________

bom dia.

as melhoras.

inominável disse...

eu tenho o verde na janela... e um arco-irís de flores... dentro não... vivo no rés-do-chão...

inimaginavel disse...

A música falta sempre. Como tudo seria melhor se, nos momentos exactos, tivessemos a nossa música...

isabel mendes ferreira disse...

eu vivo no céu...


__________________



:)))))))))))
________________e dele nao abdico!

____________________

ainda não tinha dito mas a Menina Bandida fez um post


de "cordas" e sons mt afinados...


cisnes no meio de um violoncelo?


perfeito!

Opintas/Bernardo disse...

Não percebi nada como de costume mas bom dia.

alice disse...

boa tarde, bailarina. pássaro de penas. mulher de palavras. de voos rasantes e flores de chuva. muito boa a tarde neste cativeiro. tosse há-de passar. tosse há-de pensar e procurar outra. tosse não pode aí ficar. eu matar a tosse. eu ser a inimiga da tosse. eu querer tosse daí pra fora. já. eu ligar música e tomar chã e inclinar a cabeça e dormir * eu dar beijo de melhoras.

-pirata-vermelho- disse...

Então
havia de ter ouvisto
"o contrabaixo de Nabil Shehata partilhar o seu protagonismo com o violino de Florian Zwiauer e com os violoncelos de Clélia Vital e Maria José Falcão", a semana passada na Gulbenkian!

Olhe um dia para o contrabaixoe vai ver que nunca mais o larga!

A propósito
quando puder leia 'O contrabaixo', do Süskind; ele próprio um músico, sabia?

Gi disse...

Que a tosse seja
mais breve que a semi-breve,
mas leve que uma pena
que voe para longe como o cisne
Que a tosse não seja
uma sinfonia
porque a musica é magia !

Um beijinho de melhoras rápidas (breves)

as velas ardem ate ao fim disse...

a musica e a dança

obrigada B.

isabel mendes ferreira disse...

obrigada....









e n
~~ao...:)))))))))

ainda não tinhas dito...





_______________ora essa.
:))))))))))))

pois. com riscos!!!!!!!!!!!!!!



e beijos.

intruso disse...

o sono desgraçado
e o lobo à solta por dentro.

(e hoje?)


beijos


p.s.
dia 26, sim, sem dúvida!
;)

A. disse...

in weakness... sometimes afar, and sometimes anear








...a escolha. séria. perfeita.
a minha escolha...

http://www.youtube.com/watch?v=i6829uWfH-g

_______________________________
_______________________________






...as melhoras B. as melhoras.