segunda-feira, janeiro 14, 2008




Ela ouvira, uma vez, o leve ruído que ele fazia,
chegou à janela e viu-o todo nu. Ele viu-a, não
fez um gesto, mas ela saíu dali. Veio sentar-se
na beira da cama, e assim ficou sem dizer
palavra, de cabeça baixa.

Das outras vezes nada ouvimos, mas, de manhã,
encontrávamos as marcas da sua passagem.





Georges Bataille, o ABade C.




.



27 comentários:

velha gaiteira disse...

ai que me fazes sentir o corpo latejar e a alma abanar!

pentelho real disse...

lobos somos todos?!
eu sinto-me uma indefesa ovelha.
mas quero mudar...

intruso disse...

love will always tear us apart...



um beijo querida B.

intruso disse...

irresistivel o video;
adoro esta versão
(também já a pus a soar por lá.....)


outro beijo

take.it.isa disse...

mágico!

adorei esta versão! e o texto.

bm

as velas ardem ate ao fim disse...

Love will tear us apart...Nunca tinha ouvido esta versão...simplesmente fantastica.

bjinho B

alice disse...

não conhecia este autor, mas gostei da "amostra" :) obrigada, B. beijinho.

Anónimo disse...

profunda essa música.
baixei a cabeça e ouvi-a.
as marcas ficam. vitalícias em nós.

Cris!

jorge vicente disse...

são as marcas que fazem o corpo. e o verso.

pn disse...

as marcas da passagem

no trigo reerguido

ao foçar do javali

(uma espera)

danos no caule

na terra desgrenhada

na nudez do rego

(uma espera)

Mar Arável disse...

É sempre bom ouvir

o silêncio

a cantar

Haddock disse...

excelente versão, bandida!!!

mas ele... nem gabardine tinha??
(não percebemos...!!)

merdinhas disse...

histórias do olho ....


e do ouvido....

manhã disse...

batailhe o anjo negro, tinha cara de anjo mas escrevia como um fauno!

manhã disse...

os comentários não entram. vou repetir: O Bataille tinha cara de anjo e escrevia como um fauno e a música? não consigo ouvir.

Tríade Aumentada disse...

Das outras_______ vezes_________
nada ____ouvimos.

Somente_____marcas.O [des]encontro.

Frioleiras disse...

cheio,
cheio
de "emotion" .....

Adriana disse...

Esta versão é muito boa!

eu disse...

há músicas que me entristecem mas ao mesmo tempo me consolam...


D. Galinha

M.M disse...

Gostei desta versão acústica.

Bjs. :))

isabel mendes ferreira disse...

é sempre uma passagem.


tudo.


.


e tudo passa.


tudo irá passar.

.

tolilo disse...

en passant par ici

en rose
doucement

tolilo disse...

en passant par ici

en rose
doucement

tolilo disse...

en passant par ici

en rose
doucement

blue disse...

belíssima versão.
e este, um lugar a onde voltar.

hfm disse...

Importante esta passagem por aqui.

A. disse...

http://a-skim.blogspot.com/2006/05/passa.html






...minha B. ...o amor...pois é.


doce beijo.doce.