terça-feira, setembro 30, 2008








quero pintar contigo uma enorme tesoura. ali perto da ilha das águas. e plantar raízes, cortar marés, acompanhar silêncios. quero cortar contigo uma enorme ilha. ali perto das marés. das tesouras. dos silêncios.



30 comentários:

intruso disse...

[recorta-se uma ilha no meio do silêncio, quando o tempo menos espera]


um sorriso,
um obrigado
e um beijo


...

Mar Arável disse...

Lá irei

heretico disse...

"Linda sopa, bela sopa
à espera numa tijela
ai quer tal manjar -
- bela sopa do jantar..."

(No Pais de Maravilhas)

beijo

merdinhas disse...

Da afinidade das linhas. vossas.

abraço

pinky disse...

que belos recortes da nossa infância, verdade?

observatory disse...

descobrir afectos...

tambem os dos outros me importam

como ele diz...

abreijos

c.

jorge vicente disse...

cortar marés.

Arion disse...

Este mocinho tem coisas muito giras. Beijos para ti, menina bonita! :)

Haddock disse...

mais outro acontecimento cultural??
bem, só esperamos que desta vez sirvam qualquer coisinha, que isto de arte a seco é antipático!
ainda para mais correndo o risco de ver alices a bebericar gin disfarçado em chávenas de chá...nahhhh!!
estes convites deviam vir acompanhados da ementa, ainda que frugal, para assim puxar o público menos... hummm... intelectual!!
e dizemos-vos que olhámos para esta alice de costas (as dela, não as nossas!!) e pareceu-nos surreal. uma espécie de ilusão de óptica fez-nos reconhecer um perfil de uma criatura disforme com nariz caricatural, a coincidir com o cotovelo da moça, afinal...
e permitam-nos, bandida e intruso, terminar com um reparo musical:
alucinogénia, a banda sonora...
bem pensada!
tanto que vejo agora a alice a dançar folclore medieval!! quem será o par deste "vira"??

psicadelicamente excitante!!
como gostaríamos de nos ver assim retratos, a este traço, com acessórios à escolha do autor e a qualquer cor (não vestimos vermelho, mas não somos de sangue azul... ou somos?)

isabel mendes ferreira disse...

Do texto. porque da obra já disse.
______________e


planta raizes planta ilhas planta marés planta silêncios. abertos.
rasgados.

"interessantes".
planta. como só Tu o sabes.
_____________

acompanho.te!

Frioleiras disse...

um beijo.............
aos 2!

(e essa música... tão bonita!)

pn disse...

carta de marear
de quilha em riste
a sulquear amarras

(teu veleiro é Ariane?)

Ana Paula disse...

Também por lá passarei... para admirar as Alices tão originais e passíveis de múltiplas interpretações.

Beijinhos para ambos! :)

isabel mendes ferreira disse...

:)


bora encontrar? o caminho?


________________.



a.b.r.a.ç.o.-te.

hfm disse...

Tb me parecia que o dia era especial para ti, lembranças do ano passado.

Deste blog fico-me como sendo uma referência.

Um beijo.

isabel mendes ferreira disse...

prontoS. tá bem....lá irei...


ke koisa....ando numa roda viva neste país....de Alices apopléticas.....:)


amansas-me o caminho?

bigada...ih ih ih.

Menina_marota disse...

A distância... que pesa, de tão enorme...

Aguardo... é esse o meu vício... aguardar...

Beijo

e aguardo a apresentação aqui no Porto, ou quem sabe, em Vila Nova de Gaia. ;))

pinky disse...

agora me lembrei, afinal onde está o willy?! apareceu? vê-se? encontra-se?

pinky disse...

agora me lembrei, afinal onde está o willy?! apareceu? vê-se? encontra-se?

galakteia disse...

adoraria rodopiar ao som do Jordi Savall ( um dos meus...), enovelada nas palavras da bandida e nas alicinhas do intruso...
que bela simbiose com a música! que bem terem escolhido o Jordi....
gostei de o ouvir ,
aqui,
misturado..................

galakteia disse...

e como eu gostaria de conseguir põr ,
assim,
música no meu canto (blog)...

bjs

aos 2 !

as velas ardem ate ao fim disse...

Lá estarei!

um bjo

Graça Pires disse...

Foi meu. O prazer de estar. De ouvir. De ler. Obrigada.
Beijos.

PiresF disse...

Foi uma enorme satisfação dentro de outras bem elevadas.
Como sempre que nos encontramos, aliás.

Abraço, a Ti e ao João.

casa de passe disse...

senhora d. bandida
gostei muito de conhecê-la quando a "intelectual" da Nini me arrastou ao seu lançamento, perdão, ao lançamento do seu livro.

já estou a lê-lo, embora eu não seja muito dado a essas coisas: adormeço logo.
mas estou a gostar.

joão

Frioleiras disse...

jordi savall............

uma grande, grande...


paixão.......................

Frioleiras disse...

excelente a "composição" da ana Lacerda.....

casa de passe disse...

Vim deitar-me um pouco neste sofá e fugir de casa (hoje deambula por lá o João e não tenho alma para o suportar)

Esta música faz-me sonhar e esquecer o cinzento e a confusão lá de fora.


(Loulou sem a Nini, sem a Alice, sem o Avô e sem o safado do João)

Maria disse...

não sei... não soube... não ouvi... não li...

mas quero...
quero saber, quero ler,

como poderei adquirir o livro?

Maria Pedro

O agente dos artistas disse...

Por enquanto na FNAC, mas vai estar em qualquer livraria de referência em breve.

Compre vários para oferecer no Natal!