domingo, dezembro 14, 2008







From April of 2006 through September of 2008 I spent many Saturday afternoons at 5th & Main Streets in downtown Los Angeles. Two years ago drug dealing crews operated on this corner: it was rough by day and dangerous at night. Today, more police walk the streets, the downtown is undergoing renewal, and new shops, galleries and cafes are opening. But in the early afternoons during this time, I would set up in the shade and ask passersby if they would stand for a portrait. Most declined my request because they were in a hurry, did not wish to be photographed, or were suspicious of my intentions. To the few who did cooperate, I gave simple directions: stand here, look into the lens, please be serious. Getting a successful portrait -- one that is both personally revealing and suggestive of something larger -- is extremely difficult in the minute or two my subjects allow me on the street. Always I am striving to capture a "longer period of time" in their faces. But whether I succeed with the portraits or not, I love interacting with my subjects, and I am continually amazed at how some of them can reveal things very private, even painfully so, during our brief encounters. I thank them for what they have given here, and I hope in the film you will see (or feel) what we all share in common.

My guitarist friend, Danny Combs (dannycombs.com), wrote original music for this show. After seeing my street portraits, and also spending time teaching poor children in Nashville, Tennesee how to play guitar, he was inspired to write "Waiting For Paradise," a beautifully haunting original score for guitar and cello. I hope you enjoy the photographs and his music
.


-- Dick Sanders, December 2008.



more...


24 comentários:

Bandida disse...

Dick, thanks for your fantastic work that I admire so much.

A very special thanks for this text that you wrote for my blog.


A big hug for you!

intruso disse...

*


[excelente post]


fantastiiic......................

Anónimo disse...

um único rosto com óculos. um rosto de mulher. de propósito? ou os americanos não lêem?
of

Dick Sanders disse...

Maria: Thanks for posting my work and sharing the video with your friends. I very much appreciate it.
It's a joy to make a new friend half way around the world!

A big hug back to you!

Dick

as velas ardem ate ao fim disse...

And when I look out my window
What do I see
The old grinder selling
Sawdust balls with a moth-eaten parrot
And he plays
Watch the children play on Paradise Passage Road
I see the best things aren't free
Despite everything
This old grinder still in love
With a shiny-scaled mermaid
Quick-tailed
Some... Some place between him and a myth
And he plays
What is forever
Are there things we can change
And the parrot
He says
I... I believe in the sun and the sky
Words that just don't seem to tell me why.
THE DURUTTI COLUMN

um bjo B

merdinhas disse...

E eu que estava a perder esse excelente "interacting" com o autor ...


(tenho a chamada compreensão lenta. )


abraço

Graça Pires disse...

Magníficas fotografias de Dick Sanders (que eu não conheço...).
Rostos marcados por todas as vivências. Olhares onde perpassam todos os espantos...
Um beijo.

hfm disse...

Mais um lost paradise... mas enquanto falarmos dele não morremos na esperança. Um não lost beijo de quem gostou muito de te conhecer.

TCHI de Tchivinguiro disse...

It's a very nice post.

Thanks, Maky :).

Kisses.

pinky disse...

really a fantastic work!
marvelous post B! kissesssss

Haddock disse...

consta da biografia não autorizada do artista - cujo nome não mencionamos, não vá ele, curioso, consultar o dicionário de espanhol... - que começou como fotógrafo retratista "tipo passe". aconteceu que o resultado foi tão, mas tão deprimente, que todos os apressados e indiferentes clientes depois se recusavam a mostrar - mesmo às autoridades policiais - o documento de identidade com a foto do autor (documento que por lá devia/deve ser o cartão de segurança social ou a carta de condução ou, para os excluídos, o cartão de sócio de um qualquer clube de vídeo ou de strip). conclusão: teve carreira curta. mas, não se apercebendo da causa do fracasso ainda tentou fotografar casamentos e baptizados, mas só conseguia captar tristezas próprias de funerais. dessa vez foi mesmo parar ao hospital todo partido!! aí dedicou-se a um ortopédico período de reflexão e decidiu então ser uma espécie de radiologista de melancolias implantadas no olhar que ele ordenava sério, por maior que fosse a vontade da aleatória mas sempre pobre vítima de nervosamente se desmanchar a rir na presença da lente indiscreta (e assim se atrasa qualquer um para o que quer que seja, por ex. uma snifadela...).

não mal nos interpreteis: não tomamos o cavalheiro como um comiseracionista. simplesmente não nos exporíamos à sua analógica ou digital máquina e muito menos em plena rua, todos despenteados...

agora umas palavras de português suave para dick sanders, grande fotógrafo: great photos and a very nice sound!!

triliti star disse...

ao fotógrafo, ao músico compositor e à bandida digo: são bestiais.

e a eles não, mas à bandida deixo um beijo.

a todos, desejo um bom natal (se desejar um bom natal é alguma coisa. se natal é alguma coisa). já duvido.

casa de passe disse...

ora bolas eu que não estudei! como vou perceber o que aqui se diz?! bem vou ter que pedir ajuda à loulou


joão

isabel mendes ferreira disse...

da capacidade de "roubar" a alma.


.


beijos de pin para pin na tela negra dos olhares brancos.


.

post teu na tua cabeceira.

cassamia disse...

que rostos maravilhosos.. tanta vida, tanta vida!
parabéns aos dois.

A. disse...

...luz.
magníficas.vocês.








...e saudades, neste meu quase por acabar... que nunca mais termina.

até já e beijos.

Paulo T Pires disse...

sem dúvida, fantástico
beijo

isabel victor disse...

Pois ... muito bom.

... dos milagres :))


( paraísos perdidos e mitos do bom selvagem )




____________ até ser Natal



deixo-te um beijo

imenso

iv

Bruno Nogueira disse...

Meus caros, estou prestes a alugar um T1 dentro de uma Fnac.
Isto porquê?
Porque esta quinta feira dia 18 de dezembro pelas 21h30 voltarei novamente à Fnac do Colombo, mas desta vez para uma singela sessão de autógrafos juntamente com o João Quadros a propósito do livro das crónicas da TSF, de seu nome "Tubo de Ensaio".
Espero que apareças por lá.

Bruno Nogueira disse...

Muito agradecido.
OK

rosa disse...

gostei bastante, dos rostos e da música.

a velhinha é a mais bonita, não consegue disfarçar o sorriso.


(cpt. vóis soides doidos.)

as velas ardem ate ao fim disse...

O meu presente para ti está no Velas.

um bjo

intruso disse...

...


reler/rever


:)


beijo (natalício, com um sorriso)

observatory disse...

o que nao sabes

fui feito com todas as peles

carnes... segredos.

filho de todas as drogas.

feliz por me doer a alma

feliz por me doer o corpo.

eu sou essa gente toda.

feliz 25

c.