segunda-feira, novembro 27, 2006

DizMeDasPalavrasPerdidas




diz-me das palavras
perdidas

infinitamente

tuas


infinitamente

TU

36 comentários:

Anónimo disse...

o infinito....
tudo acaba
tudo passa.
não há infinito...


um abraço

M5Sol disse...

As palavras que não se dizem ... perdem-se, definitivamente!

Anónimo disse...

Trouxe umas palavras mas perdias, boa semana.

Anónimo disse...

Finalmente encontro o infinito.
Na eterna paz que julguei minimamente perdida.



MJ

Anónimo disse...

...e para sempre. beijo

Anónimo disse...

Tantas! E outras tantas ganhas na defesa daquilo que somos nós.

Plum disse...

infinitamente infinito....

abraços!!!*

Su disse...

in...finita...mente
jocas maradas

Diva disse...

Bandida,
Suspiro infinito...
Hoje, estou mesmo a precisar.
Bissous com plumas

Anónimo disse...

As palavras que não se dizem quando têm que ser ditas, perdem-se. Infinitamente. **

Efemerum disse...

infinitamente belo...
desliza-se nestas tuas palavras...

Anónimo disse...

há muita hipocrisia no mundo. muita crueldade

Anónimo disse...

muita maldade

Anónimo disse...

muito egoísmo muita indiferença

Anónimo disse...

tudo é falso. é a apologia da mentira, apenas isso

-pirata-vermelho- disse...

BI! SOUS!?
é o que se ouve!
Está a ficar atrevida, diva...



(Era 'bisous', eu sei...)





(mas também dá p'a brejeirice, se quiser!)

carla disse...

adorei o seu blog!!!

carla disse...

adorei o seu blog !

a rasar o ceu disse...

não digo....


_____________porque és bandida...




______________!


olá.



boa noite :)



Tu.

merdinhas disse...

Entre linhas brancas há palavras que gosto de (re)ler.
São reencontros com os que, afinal, não morreram.


São essas as palavravras infinitamente "deles"

Anónimo disse...

E se dissesse das palavras que nos unem?

http://velasardemsempreateaofim.blogspot.com/

wolfhunter disse...

Olá Bandida,

Obrigado pela tua visita...

Lobos somos todos..., é o natural inevitável...

..mas todos passamos de predador a presa num segundo...


Bj

W.

[N] disse...

um rasgão de luz, entre veias e silêncios...

obrigado. ficarei atento.

um abraço.

Estranha pessoa esta disse...

Como se fosse um enlace...

Josefa Pacheca Pereira disse...

Interessante...

pintoribeiro disse...

Bom dia,

sem nome disse...

Há palavras q não precisam ser ditas...intuímo-las.
Elas estão lá,não as ouvimos pq não as disseram ou não as dissémos.

São essas as palavras perdidas a q te referes?

Talvez não sejam. Muitas vezes ajo em conformidade com esse "tipo" de palavras perdidas...são uma perdição, eu sei.Mas o TU parece-nos (quase) sempre mais...

Isabel Magalhães disse...

Bonjour!

Moi aussi... Je suis d'un autre pays...! :)))





passei para agradecer e deixar um abraço. :)

Isabel Magalhães disse...

Quem não tem lobo caça com cão.


Eu sou um 'Pointer', o 'Ferrari' dos cães de caça, e venho apresentar-me:

Diogo Cão, muito prazer em estar aqui!


Pat'aí! :)))


(no meu caso pessoal só caço na taça que a minha dona só gosta de tiro aos pratos. diz ela que sempre ajuda a desenvolver a indústria cerâmica!)

De tudo e de nada disse...

As palavras são cinzas
perdidas nos livros que lemos.
Lançadas ao mar
archotes de luz.
Nas campas
eternamente falsas,
impossíveis de ler.

*

mnemosyne disse...

Solenes as palavras que desnudam a alma assim...docemente.
Um beijo :)

Mel disse...

Diz-me todas as palavras caladas
... não não digas nada ...
que o teu silêncio é o alimento
com que forrei as entranhas
do meu descontentamento ...

Calem as palavras ....

Bjs
Mel

as velas ardem ate ao fim disse...

Tu
infinitamente
tu
diz
palavras
infinitivamente perdidas

al-jib disse...

eu?

nem pensar!

AS disse...

Não tenho escrito

sobre

o brilho

dos teus

Olhos...

Depois

mando alguém

buscar

as minhas

palavras

A. disse...

Leadade

...fidelidade.

...sinceridade.



Confiança

...segurança.

...crédito.







Infelizmente.